Carregando..

Notícias

Em nome dos profissionais da área da saúde, representantes do Coren-MG fazem apelo aos governantes e autoridades do estado


Ato de manifesto vem como forma de pressionar autoridades a fornecer equipamentos básicos de proteção e melhores condições de trabalho em contexto de Covid-19

Data da publicação: 20/02/2020

Já enviamos ofício ao governador de Minas, Romeu Zema Neto, através da enfermeira Carla Prado Silva, presidente do Conselho Regional de Enfermagem de Minas Gerais. Agora, o enfermeiro Gustavo Arantes, conselheiro do Coren-MG, que no momento do vídeo tinha acabado de fazer plantão do Pronto Atendimento do Hospital das Clínica de Belo Horizonte, faz um apelo emergencial aos governantes, em especial ao ministro da Saúde, Henrique Mandetta, novamente ao governador de Minas, Romeu Zema Neto, e às demais autoridades. O mesmo ofício está sendo enviado a eles.

Leia ainda um parágrafo do documento enviado às autoridades, no qual explicitamos a necessidades de se reconhecer o papel da Enfermagem em tal momento:

‘’Somos uma profissão que precisa de condições especiais para uma prática segura, garantindo a segurança ao mesmo tempo do profissional e do paciente. O hospital é um ambiente em que a enfermagem fica exposta a riscos biológicos e químicos, sofre forte carga emocional e física, atua em horários atípicos, com longas jornadas de trabalho, insuficiência de pessoal, carência de materiais e equipamentos, muitas vezes com salários baixos.’’

Senhores e senhoras governantes, temos filhos que nos esperam, pais e avós, precisamos, para ONTEM, de uma solução.

Leia o ofício completo clicando aqui! 

Assista o vídeo: bit.ly/VídeoGustavo

Pedimos seu apoio também, profissional da saúde, para compartilhar este vídeo nas redes sociais deles. A sua força é gigante, sabemos disso. Vamos mostrá-la.

E o Coren-MG não descansará, nem quando o sol nascer e nem quando ele se pôr, até os governantes nos garantirem condições.

É o ano da Enfermagem e sem a Enfermagem não tem Brasil. Vamos pressionar!

#CoronaVírus #SomosMaisFortes