Carregando..

Notícias

Presidente do Coren-MG cobra do governador Gratificação Temporária de Emergência em Saúde Pública


O secretário de Estado da Saúde, Carlos Eduardo Amaral, durante coletiva de imprensa, chamou a atenção para a falta de profissionais de saúde, o que, segundo ele, compromete a ampliação de leitos em UTIs para tratamento da Covid-19. Atualmente, 91,93% deles estão ocupados.
 
A enfermeira Carla Prado, presidente do Coren-MG, reconhece que pode haver dificuldade em relação à contratação de profissionais de Enfermagem intensivistas, já que a categoria não foi contemplada pela Gratificação Temporária de Emergência em Saúde Pública (GTESP) concedida pelo Estado somente aos médicos.
 
Para saber mais, clique aqui.