Publicador de Conteúdos e Mídias

Alunos simulam julgamento de processo ético

A enfermagem compreende um componente próprio de conhecimentos científicos e técnicos, construído e reproduzido por um conjunto de práticas éticas que se processa pelo ensino, pesquisa e assistência. Nesse contexto, foi idealizado o Código de Ética dos Profissionais de Enfermagem, que leva em consideração a necessidade e o direito de assistência em enfermagem da população, os interesses do profissional e de sua organização. As possíveis penalidades impostas estão descritas no Código de Ética dos profissionais de enfermagem, aprovado pela Resolução Cofen 311/2007. 

A fim de promover o aprimoramento do comportamento ético do profissional, que passa pelo processo de construção de uma consciência individual e coletiva, pelo compromisso social e profissional, o professor da disciplina Clínica Médica do curso Técnico em Enfermagem da escola Grau Técnico, Aleff Diego Santos de Oliveira criou a atividade Júri Simulado (clique aqui para assistir). A iniciativa tem como objetivo demonstrar na prática como são julgados os erros cometidos pelos profissionais de enfermagem através de uma peça teatral.

O professor com alguns dos alunos que participaram do júri simulado

O projeto, que envolveu o professor como juiz e os alunos nos papéis de promotor, réu, familiares da vítima, advogados, presidente do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen), simulou um processo ético e civil. A atividade descreveu o caso de uma profissional que trocou a dosagem do Atrovent pelo Berotec, provocando uma parada cardiorrespiratória em uma criança de 12 anos, filha única de uma mãe que não podia engravidar e fez tratamento por anos. 

De acordo com Aleff de Oliveira, o teatro foi de fundamental importância para mostrar aos futuros profissionais da saúde como é a realidade da atuação do Conselho perante aos atos de negligência, imprudência e imperícia. “O projeto também é de suma importância para os novos profissionais e para os já inseridos no mercado mostrando que todo cuidado é pouco ao se administrar um medicamento e realizar um procedimento”, acrescenta.

Projeto piloto na instituição Grau Técnico, o Júri Simulado foi idealizado após participação da turma no projeto Escola no Coren, realizada no dia no dia 21 de novembro. A iniciativa visa criar e fortalecer vínculos com os futuros profissionais de enfermagem. No programa, é possibilitado a alunos de escolas de formação de nível técnico e superior de todo o estado de Minas Gerais conhecer as instalações Conselho e saber, por meio de palestra, como funciona a autarquia. 

A palestra, que forneceu subsídios para a criação do Júri Simulado, foi conduzida pela segunda-secretária Karina Porfírio Coelho. Nela, foram abordadas questões como o funcionamento do Conselho em geral e do processo ético. 

O professor Aleff Diego e os estudantes do curso Técnico em Enfermagem participaram da atividade